Marca Entidade Empregadora Inclusiva Inscrições Abertas

Sem TítuloA Associação Comercial de Braga (ACB) informa que as candidaturas das empresas e demais entidades empregadoras, que desenvolvam práticas de gestão aberta e inclusiva e tem a responsabilidade social como uma das suas marcas distintivas, à 2.ª Edição da Marca Entidade Empregadora Inclusiva deverão ser apresentadas, entre o próximo dia 2 de janeiro e o dia 28 de fevereiro de 2019, no portal do IEFP, em IEFPonline, Apoios e incentivos, Outros apoios.

Para se candidatar deverá proceder ao seu registo em IEFPonline, se ainda não estiver registado, ou, aceder através da página da entidade, se já estiver registado.

A Marca Entidade Empregadora Inclusiva destina -se a promover o reconhecimento e a distinção pública de entidades empregadoras que mereçam destaque nas ações desenvolvidas relativamente às pessoas com deficiência e incapacidade, contribuindo para a criação de um mercado de trabalho inclusivo que integre a diferença, evidenciando também preocupações de ordem social, um dos aspetos distintivos da responsabilidade social.

A responsabilidade social, de uma perspetiva estratégica, é cada vez mais importante para a competitividade das empresas pelos benefícios que pode acarretar em matéria de gestão dos riscos, redução dos custos, acesso ao capital, relações com os clientes, gestão dos recursos humanos e capacidade de inovação (comunicação da comissão Europeia ao parlamento europeu, ao conselho, ao comité económico e social europeu e ao comité das regiões de 25.10.2011).

As limitações na acessibilidade física, aos transportes, aos serviços e à comunicação, em resultado das condições do meio, têm limitado e dificultado a participação das pessoas com deficiência no mercado de trabalho que apresentam uma taxa de emprego significativamente inferior à população em geral.

A alteração desta situação passa, também, pela existência de um ambiente acessível em termos físicos, mas também de comunicação, e pela valorização e disseminação das práticas de gestão empresarial que valorizem e integrem a diferença, criando e desenvolvendo um mercado de trabalho aberto e inclusivo.

O reconhecimento das organizações que pratiquem e implementem práticas de gestão aberta e inclusiva, através da atribuição de uma marca denominada “marca entidade empregadora inclusiva”, poderá criar condições de maior igualdade no acesso, manutenção e progressão na carreira das pessoas com deficiência e incapacidade.

.

Consulte:

Regulamento

Mais informações

 

Partilhar:
Redes Sociais